Chapéus!

24 de mar de 2011

, , , , , | 8 comentários

Olá pessoal! Estávamos meio ausentes por motivos de ordem maior, mas cá estamos de volta!
Antes do post vale salientar as mudanças pela qual o blog passou. Ganhamos da Gabi esse lay totalmente personalizado e ainda voltamos com um "componente a mais". Uma presença masculina (que com toda certeza será absolutamente bem vinda!) Agora além de mim e de Keilla contaremos com as opniões e sugestões de Clóvis Teodorico. 

Bom, para recomeçar (e tirar da gaveta o post) falaremos hoje sobre chapéus! Que se apresentou forte desde a primavera passada e se estende até hoje, já prenunciando  a força no inverno. Tal  acessório voltou  com tudo (desmistificando a idéia de só ser usada por homens ou em praia pelas mulheres), agora com uma variedade de usos, modelos e estilos, desde os mais clássicos, até uns com visual mais moderno. Servindo assim, tanto para proteger o rosto como para criar looks diferenciados e cheios de personalidade.



Os chapéus Fedora, Panamá e Floppy talvez sejam o grande destaque da atual temporada. Com formas singulares, eles trazem sofisticação ao look feminino.

*Chapéu Panamá:
Confeccionado em palha traçada, o chapéu Panamá é reconhecido por ter abas médias e copas amassadas ou não. Muitas marcas apostaram neste modelo que ganha destaque entre celebridades que associam este acessório a looks compostos por saias, vestidos longos, t-shirts, camisas, lenços e shorts estilo safari.


*Chapéu Fedora:
Semelhante ao modelo Panamá, o chapéu Fedora é normalmente fabricado em feltro e caracteriza-se pela sua estética mais ousada. Pode ser combinado com jeans, camisas, botas, t-shirts e lenços. O Fedora abre espaço para um visual mais alternativo.Dá pra usar com skinnies, camisetões, blusinha com colete, alfaiataria, oxfords e sapatilhas. 





*Chapéu Floppy:
Caracterizado pela sua  elegância, o chapéu Floppy tem abas curvadas e é usado tato à beira-mar como no dia-a-dia (até mesmo no inverno). Complementado com lenços em torno da copa, em formas assimétricas, cores neutras ou vibrantes, este modelo é perfeito para utilizar com  vestidos de diferentes tamanhos, além de jeans, batas e túnicas. O chapéu Floppy só não é indicado para as pessoas mais baixas. Neste caso, o ideal é apostar num modelo com abas menores para que a silhueta seja alongada.




*Chapéu Cloch:
Se você gosta de um visual retrô, aproveitando referências dos anos 20, vai adorar o Clochê. Ele combina com um visual mais clássico e sofisticado, embora possa ser usado para compor um look divertido também.  Você pode combiná-lo com roupas românticas, vintage, retrô, sapatilhas, anabellas, saias de cintura alta e bolsas de mão.  




*Chapéu Côco
Madame Chanel com seu indefectível tailleur marcou a história com sua classe ao chapéu coco, antes só usado por homens(marca registrada de Charles Chaplin). Para aderir no cotidiano, e fazer combinações opte por tecidos mais leves para não sobrecarregar o visual.



Observem o material usado antes de inserir o acessório no visual. Feltro, lã e tecido espesso ficam mais intressantes com looks mais sóbrios e pesados;  palha, linho e outros tecidos acompanham melhor looks leves e despojados. Assim como as abas que você pode variar tanto no tamanho , como nas cores prestando atenção no equilíbrio do visual.

Quanto as combinações, cuidado para não combinar com a roupa, pois o chapéu deve ser o acessório principal e de destaque! Para as tímidas, usem um de cor neutra ou da cor do cabelo, mas NUNCA  da cor da roupa! Contraste também com o formato de rosto: formas arredondadas suavizam traços angulosos e os modelos geométricos favorecem o rosto redondo. Rostos graúdos e corpo pesado não combinam com chapeuzinhos pequenos, gorros e boinas apertados. Caras miúdas somem se o acessório é muito vistoso. No caso, usem de muita sensatez ao comprar. Provem, tirem foto, peçam opinião...Por favor!

Bom, aproveitem o outono e o inverno para aproveitarem seus chapéus!
Beijos e até a próxima!

Continuem dando sugestões! 
~~> namodaeu@hotmail.com
 


Por: Rerlyn

Longos!

12 de fev de 2011

, , , , | 12 comentários



Olá pessoal! 
Já que estamos entre o verão e a aguardada chegada do outono/inverno vim postar para vocês sobre os longos  sejam em vestidos ou saias tão comentados na semana de moda do Rio e São Paulo (assim como em desfiles anteriores) que marcam presença no verão e inverno (de acordo com cada tecido).



Eis o retorno do feeling dos anos 70 contra o minimalismo introduzido pelos anos 90, trazendo liberdade de movimentos,conforto e sutileza na beleza demonstrada. Além do mais, não vejo apenas como uma mera ‘’tendência’’, já que é uma veste interiorizada nas vestes femininas e que sempre vejo desfilando pelas ruas e que, particularmente, gosto muito.



Bom, as propostas são múltiplas, cabe a cada uma a escolha. Cortes retos, cintura marcada, soltas e esvoaçantes... Cores sóbrias, coloridas, florais grandes ou pequenos...Seu uso pode ser combinado com botinhas, cardigans, peças de alfaiataria, blazers, jaquetas... Fiquem livres (e cheias de bom senso, claro) para criarem vários looks!



Se as baixinhas podem usar? Claro! (adorei isso!)... A dica é investir nos modelos de cintura alta com blusa ou top na mesma cor da peça de baixo (ou um vestido no mesmo tom), ou listras verticais assim seu corpo dará a impressão de estar mais alongado.E também com saltos. Assim como ter cuidado com as estampas grandes e o exagero nos acessórios. Como já falei bom senso é sempre bem-vindo! Essa dica também serve para as gordinhas. 
Nos pés, uma rasteirinha, sapatilha, anabelas e até botas (dependendo do estilo que você quer fazer!)... O salto deve ficar para a noite e de forma discreta. Quanto aos acessórios, é muito bem-vindo coletes jeans ou de tecido, assim como cintos (na cintura marcando-a ou abaixo dela, no quadril), bolsas (de acordo com sua estatura, mas de preferência de alças longas) e boa criatividade nos brincos, colares e braceletes!



 

É isso meninas! Espero que tenham gostado e continuem dando sugestões! 
~~> namodaeu@hotmail.com
Beijos e até a próxima!
                                                                                                                                   Por:Rerlyn

Acessórios boyfriend

27 de jan de 2011

, , , , | 10 comentários




Oi gente!

Bom, todos sabemos que não é de hoje que as mulheres vem invadindo e pegando emprestado várias peças do guarda-roupa masculino. Já teve os paletós e calças boyfriend, os sapatos oxford e por aí vai.
Uma peça (que pode ser vista como um acessório) que me agrada bastante são as gravatas borboleta!
Elas são lindas e dão um toque bem ‘glamuroso’ numa produção.



 As gravatinhas dão uma certa sobriedade ao look. Podem ser uzadas tanto com uma combinação mais masculina ou até com peças mais femininas. Vai do estilo e coragem de cada uma.



As gravatinhas além de usadas no pescoço podem ser usadas na cabeça como faixa e também na cintura (dependendo da largura do tecido.)


E pra quem quer fazer uma em casa, basta pegar um lenço ou uma fita e amarrar com o charmoso lacinho. Fica com um toque bem mais feminino.


(Muitas famosas e fashionitas já aderiram.)

E para acentuar ainda mais essa tendência, o estilista francês Baptiste Viry criou uma linha com adaptações do guarda-roupa masculino para nós mulheres! Além da gravata borboleta (que ganhou um ar meio gravata, meio colar) ele adaptou também peças como boinas, chapéus e cintos (No estilo daquelas faixas que os meninos usam com smoking).



A coleção é linda, se quiserem apreciar mais imagens clique aqui.

E aí, ficaram inspiradas? Com vontade de usar? Encontrei um modelo super "faça-você-mesmo"! Olha só:


Essas fofurinhas aí são de uma loja on line. (Loja Varal, camisetas e acessórios).
Basta tirar um lacinho de alguma faixinha que você já tem ou fazer um com algum retalho de tecido e colocar em um colar de pérolas ou miçangas. Depois é só sair arrasando por aí!

O que vocês acharam? Usariam ou não? Dêem suas opniões!
*E mandem sugestões para o nosso e-mail!
Xoxo
;*


 

Boudoir

25 de jan de 2011

| 5 comentários




Oi gente! Faz tempo que postei por aqui, então resolvi voltar falando sobre um estilo que particularmente aprecio e que está em destaque desde os desfiles de 2010, mostrando-se particularmente fortalecido neste verão que é o Boudoir. Uma ‘’tendência’’ de moda e comportamento que traz de volta à cena toda a feminilidade e a sensualidade da mulher. Beleza, glamour, delicadeza, intimidade, romantismo, insinuação... Rendas, cetim, seda, transparências, tule, babados e laços se apresentam como as marcas desta tendência. 











Na época de Luís XVI, esse era o nome dado aos cômodos utilizados pelas mulheres para se maquiarem, se vestirem, se banharem e conversarem sobre assuntos femininos, assim como para terem todos os tipos de intimidade pessoal. A partir do século 20, a palavra passa a ser utilizada também na moda, referindo-se à estética inspirada nas roupas íntimas dos guarda-roupas femininos.
Como usar? Bom,você não precisa sair fantasiada de dançarina burlesca para vivenciar esse tendência. Isso se estabelece nos detalhes, o que a torna muito mais favorável e belo. Pode ser um corpete/corselet/corset (salvo suas diferenças), uma meia rendada, um detalhe transparente na roupa, um bojo de sutiã mais marcado, sobreposições com ‘’roupas de baixo’’ por cima de malhas, tons de nude e preto dando à imaginação uma idéia de lingerie sem vulgaridade ou erotismo. Tudo isso combinado a tecidos e roupas mais sóbrias e discretas.




Bom, espero que tenha inspirado vocês! E que, independente de tendência da estação, tal estilo se cumpra sem modismos...
Continuem mandando sugestões para postagens: namodaeu@hotmail.com
Beijos e até a próxima!

Por:Rerlyn